HISTÓRIA

 

Nos anos 90 , um grupo de amigos se reuniam no ATIRE , associação de tiro do Recife ,para atirar com arco e flecha. Era uma atividade puramente amadora e sem nenhuma intenção em torneios ou competições . Atiravam  em alvos improvisados , sem a mínina noção de equipamento ou regulagem . Simplesmente, atiravam para se reunirem  em torno da mesma paixão : o arco e flecha . Algum tempo depois , começaram a tomar conhecimento das Federações.

O primeiro curso de arco e flecha do nordeste ocorreu ,  em março de 1993, ministrado pelo vice presidente e técnico da  CBTARCO(Confederação Brasileira de Tiro com Arco) , Sr. Willames Henrique Porto. O  Curso e Seminário para o Desenvolvimento do Arco e Flecha no Nordeste , visava difundir a prática desse esporte na região e possibilitar que o arco e flecha se fortalecesse no Estado de Pernambuco e em todo país. O principal legado desse curso, foi o desenvolvimento dos arqueiros e a consciência de uma prática esportiva com o arco e flecha.

Em outubro de 1994, Pernambuco participou pela primeira vez de um campeonato brasileiro, realizado na cidade de Contagem em Minas Gerais. Três arqueiros , representaram o Estado de Pernambuco naquele certame : Marcos Coimbra, Eulálio Cavalcanti e Vicente Luiz Rocha .

No ano seguinte , mais uma conquista : Pernambuco participava do Campeonato Brasileiro em Canelas , ficando em 3 lugar por equipe , com os arqueiros : Fernando Tabosa , Eulálio Cavalcanti e Vicente luiz , todos na categoria recurvo.

Em novembro de 1996, com o grupo maior e mais competitivo , sendo na época , o  presidente da ainda  embrionária Federação Pernambucana , Marcos Coimbra , resolvem chamar com o apoio da CBTARCO , o técnico Eros Fauni para orientar e treinar a equipe pernambucana . Foi então que em 1997 ,  Pernambuco teve a oportunidade de sediar o XXIII Campeonato Brasileiro de Tiro com Arco. O evento aconteceu no Caxangá Country & Golf Club e contou com a participação de cerca de 100 atletas de várias partes do país e foi a primeira vez que um Estado do Nordeste , sediava um evento nacional . Mais uma vez , Pernambuco ficou consagrado , com a vitoria em 1 lugar por equipe adulto composto , com os arqueiros Anibal Albuquerque , Manuel Salazar e Vicente Luiz.  Neste mesmo evento ,  todos os arqueiros da equipe receberam a primeira estrela de 1200 pontos , pois tratava-se de uma prova FITA. Também presentes os arqueiros pernambucanos :Gabriela Tavares, o infantil Manoel Henrique, Luciano Pinheiro, Gustavo Rocha, João Batista, Anibal Leal, Zurdival Pino, Rodrigo Castro, Fernando Tabosa, Marcos Coimbra .

O campeonato contou com atletas renomados  dos Estados de : Minas Gerais, Rio de Janeiro, São Paulo, Rio Grande do Sul e Espírito Santo. Entre eles,  a presença do paulista Roberval Santoa (Tico) , há época , oitavo colocado mundial  e a carioca Dirma Miranda,  campeã do Brasil, sul-americana e do Campeonato das Américas, que havia disputado há pouco mais de um mês na Argentina. Também tivemos a  presença do italiano Mario Ruele, duas vezes recordista e campeão mundial.

Assim ,  Pernambuco consagrava-se no cenário nacional .Trazer o brasileiro para Recife fez surgir  ainda mais forte, a necessidade de reunir mais praticantes para o arco e flecha . Desta forma ,  em novembro de 1998 nasceu a  FPETARCO. Porém, a FPETARCO  após um período sem atividades , foi resgatada e reaberta no ano de 2000, pela iniciativa do presidente da época : Sr. Iodelson Solon Cavalcanti Torres.

No ano de   2013, tendo como o presidente Emilio Sukar , Pernambuco retoma seu lugar em realizar grandes torneios e  pela primeira vez na história do esporte , o campeonato foi realizado em uma praia. Este campeonato , foi composto de  três competições simultâneas  de tiro com arco, todas elas disputadas em uma área  de 1.600 m², montadas na praia do Pina, Boa Viagem , em Recife .Cerca de 430 atletas , participaram do 38° Campeonato Brasileiro de Tico com Arco, o 6° Campeonato Paralímpico e o 3° Campeonato Máster, numa mesma linha de tiro .

Entre os destaques da competição nacional ,estavam os arqueiros Daniel Resende (MG), Marcelo Roriz (GO), Sarah de Oliveira (SP), Roberval dos Santos (AM) e Andrey Muniz (GO).

Hoje , nossa Federação , está entre uma das mais antigas e atuantes , no certame nacional .

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.